Mitos da inovação: O que você realmente precisa inovar em sua indústria?

A inovação na indústria é um processo contínuo, que demanda comprometimento e planejamento por parte dos gestores. Isso implica em uma mudança de mentalidade baseada em fatos e inovações que sejam de fato “entregáveis” aos clientes. Para isso, é necessário não cair nos mitos da inovação que existem por aí.

Falaremos sobre os mitos da inovação em nosso próximo tópico. O mais importante agora é que você entenda que a inovação não se trata apenas de novas tecnologias e substituição de processos. É preciso que a indústria como um todo esteja voltada para o objetivo de inovar em todos os sentidos, desde que o mercado esteja pronto para isso, ou seja, seu timing precisa estar adequado.

Veja neste post os principais mitos da inovação, bem como saiba em que você precisa inovar para que a sua indústria se mantenha relevante nos próximos anos. Tenha uma boa leitura!

Mitos da inovação 

Os maiores mitos da inovação são baseados em coisas que são de fato reais, mas que estão distorcidas de alguma forma. Para exemplificar, vamos falar do mito de que as indústrias precisam adotar todas as tecnologias do futuro para garantir que o negócio continue existindo.

Este é um grande mito que precisa ser desmistificado o quanto antes, para o bem da saúde das indústrias em geral. Entenda, não é preciso incluir uma série de novas tecnologias na indústria para que ela continue existindo, é preciso saber fazer o que deve ser feito com as tecnologias que existem agora, no presente.

Muitas empresas acabam saindo do mercado porque não utilizam as tecnologias do presente de maneira efetiva. A questão não é que as empresas não aplicam todas as novas tecnologias, até porque isso seria inviável,  é que elas não souberam fazer o melhor que podiam com as tecnologias já existentes e adquiridas.

Outro mito da inovação é que as tendências e novidades vão substituir as formas tradicionais de fazer os processos. Bem, isso é verdade em alguma parte. Em muitos casos a tecnologia vai substituir muitos processos, como é o caso da impressão 3D. Mas esse não é o caso de toda a indústria.

Veja a Tesla, por exemplo. Em determinado momento passado, a empresa conseguiu ser extremamente inovadora, pois teve criatividade e uma mentalidade focada em inovações “entregáveis” aos clientes, que resultaram na produção em massa de produtos de alta qualidade.

Hoje em dia, a Tesla sofre com uma interpretação errada de inovação, pois ela tenta utilizar tecnologias muito à frente de seu tempo, que não se sustentam na produção industrial. Isso faz com que a empresa enfrente dificuldades e acabe com a sua grande reputação no mercado.

Em que você precisa inovar? 

Agora que você já conhece os principais mitos da inovação, que tal ver em que você realmente precisa inovar? Veja agora, as principais inovações viáveis, que você pode aplicar na sua indústria.

Cliente em foco 

O cliente deve vir sempre em primeiro lugar, mas você já deve ter ouvido isso, certo? Pois é, essa máxima ainda se aplica nos dias de hoje. É preciso colocar o cliente em foco para que ele indique o que realmente precisa, bem como suas dores e necessidades. Fazendo isso, você consegue direcionar o seu produto para quem vai comprá-lo.

Para fazer isso, é preciso conhecer seu público-alvo. De nada adianta fazer produtos super tecnológicos para pessoas com mais de 60 anos, por exemplo, e esperar que a venda desse produto tenha uma aceitação em massa. Isso não vai acontecer, pois esse público não é tão voltado à tecnologia.

Invista em produtos que atendam o público que você quer atingir. Para isso, você deve conhecer o seu público-alvo a fundo e deixar que ele expresse o que realmente espera agora e para o futuro. Isso fará com que você possa se planejar e inovar de maneira muito mais sólida.

Marketing Digital 

O marketing feito de diferentes formas e por diferentes meios é sempre uma inovação. Porém, é preciso ficar atento ao marketing digital nesse momento. Atualmente, bilhões de pessoas acessam a internet. Esse número compreende pessoas que acessam a rede todos os dias e se baseiam nela para efetuar os mais diversos tipos de compras.

Não esqueça que a internet não está somente nos computadores e tablets. Você também deve focar no marketing digital para smartphones. Existem pesquisas que indicam que o número de pessoas com smartphones é maior do que o número de pessoas com acesso à rede de esgoto tratado. 

Essa é uma mensagem clara para as indústrias que desejam aumentar seu faturamento agora e no futuro. O marketing digital veio para ficar! Como dica final, podemos afirmar que a estratégia de marketing de conteúdo, e-mail marketing, anúncios pagos em redes sociais, entre outras estratégias são excelentes inovações.

Redução de burocracias internas 

Não deixe que a burocracia atrapalhe o andamento da sua indústria. Faça com que os processos internos sejam os mais rápidos e seguros possíveis, para que seus profissionais possam focar no que realmente importa. Atualmente, a burocracia é o inverso da inovação.

A maior parte da papelada é substituída por arquivos online com assinatura e armazenamento eletrônico. Essa inovação também veio para ficar e traz resultados excelentes para qualquer indústria.

Cultura da inovação 

Antes de pensar em uma inovação propriamente dita, você precisa incluir na sua indústria, a cultura da inovação. É claro que é preciso força de vontade para mudar toda uma mentalidade industrial, que muitas vezes é fundamentada em processos que já dão certo atualmente, mas que estão começando a ficar obsoletos.

A indústria deve ter sempre uma cultura inovadora. Para isso, será preciso envolver os colaboradores do empreendimento aos poucos. A utilização de ferramentas de planejamento estratégico, o incentivo e a promoção de conhecimento e inovação, espaços para que novas ideias sejam trazidas, entre outros aspectos, são excelentes exemplos de como aplicar uma cultura de inovação na sua empresa.

Considerações finais 

Agora que você já sabe tudo sobre os mitos da inovação e sobre as inovações que você deve, realmente, propor na sua indústria, pode começar a pensar sobre o que inovar, com muito mais clareza. Não esqueça de administrar uma cultura de inovação na indústria para que a partir disso, as inovações surjam naturalmente. Boa sorte!

Se você se interessa por assuntos como esse, assine nossa Newsletter!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *