Materiais 3D: Descubra qual escolher na sua indústria

A manufatura aditiva, ou seja, a produção de peças e/ou produtos por impressoras 3D, está cada vez mais presente na indústria. É possível empregar impressão 3D em diversos setores. O uso da manufatura aditiva, por exemplo, já é amplamente utilizado em setores de desenvolvimento de produtos, ferramentas e manutenção. Como existe uma gama variada de materiais 3D, é necessário escolher o que melhor se adequa ao seu projeto. 

A importância de escolher bem o material

A escolha do material do seu projeto é extremamente importante, tendo em vista que materiais diferentes resultam em acabamentos e funcionalidades diferentes. Existem materiais 3D mais flexíveis e outros mais rígidos, que resistem ou não ao calor, entre outras especificidades.

A escolha do material perfeito para seu projeto vai depender muito das funcionalidades que ele executará. Peças que são expostas a altas temperaturas não podem ser fabricadas com materiais com pouca resistência ao calor, por exemplo. Portanto, fique com a gente e veja os principais materiais 3D e quais são seus usos e especificidades.

Os principais materiais 3D

Para ajudá-lo na escolha correta do material que será utilizado no seu projeto, fizemos uma lista com os principais materiais 3D. A lista está dividida de acordo com as características mais buscadas pela indústria na construção das peças:

Resistência ao desgaste

Essa é a habilidade de um material suportar o contato direto e repetitivo com outros materiais ao longo de seu uso sem sofrer grandes desgastes. Uma característica muito apreciada na construção de partes móveis, como engrenagens, por exemplo.

Na indústria esses materiais costumam ser empregados na engenharia mecânica, principalmente em peças para setores como a ferramentaria e manutenção. Partes construídas em materiais resistentes ao desgaste são mais duráveis, o que diminui a chance das peças apresentarem problemas devido ao desgaste.

O TPU é um material bastante utilizado na construção das partes mais expostas ao desgaste de uma peça, pois esse material possui a característica de ser mais macio, o que ajuda na diminuição do desgaste da mesma.

Resistência UV

Essa é uma característica crucial para a construção de peças que serão expostas diretamente ao sol por períodos prolongados, visto que a resistência UV consiste na capacidade do material não perder suas propriedades devido à exposição aos raios ultravioleta.

O uso de materiais 3D resistentes aos raios UV é comum em peças que ficam ao ar livre, já que essa característica impede que o material desbote ou crie rachaduras na superfície. Os materiais mais utilizados com esse intuito são o ASA e o PETG, pois apresentam boa resistência aos raios UV.

Resistência e rigidez

A resistência está relacionada à tensão que uma peça é capaz de suportar sem quebrar-se. Já a rigidez diz respeito ao quanto ela se deforma quando puxada ou dobrada. Normalmente, materiais com grande rigidez possuem grande força.

Tanto a força como a rigidez são características apreciadas nas indústrias, pois são essas características que asseguram que o produto ou peça irá suportar a carga suficiente para sua boa função. A indústria automobilística utiliza esses materiais na construção de acessórios na sua linha de produção. Exemplos desses materiais são os filamentos compostos de fibra de carbono. 

Resistência ao impacto

A resistência ao impacto é a combinação da dureza e da resistência de um material, ou seja, quão facilmente um material se quebra devido a força de um impacto. Junto com a rigidez e a força, essa é uma das características mecânicas mais importantes, tendo em vista que suportar bem o impacto pode ser algo útil ou necessário para diversos produtos.

O uso desses materiais é comum nas ferramentas e acessórios de linhas de produção, na manufatura e em outros setores que necessitam de peças que suportem o impacto de suas aplicações. Os materiais 3D recomendados para essas situações são o TPU e o Nylon, sendo o ABS resistente apenas a impactos razoáveis.

Resistência ao calor

Alguns materiais são resistentes à exposição a altas temperaturas, sem que isso altere suas propriedades. Eles apresentam uma performance melhor ao stress térmico se comparado a outros materiais. Esse tipo de material é comumente utilizado nas indústrias de manufatura, automobilística e aeronáutica, para a construção de partes que alcançam altas temperaturas durante o uso.

É preciso atentar para alguns aspectos na escolha de materiais 3D resistentes ao calor. A temperatura de fusão e a temperatura de deflexão térmica do material são algumas delas. Elas indicam se o material será capaz de suportar as condições de seu futuro uso. Entre os materiais que apresentam resistência ao calor, podemos citar o Nylon, o TRITAN e o ABS.

Resistência química

A depender do uso da peça ou do produto, a resistência química será uma característica indispensável. A resistência química consiste na capacidade de um material suportar o contato com substâncias químicas abrasivas sem perder suas propriedades.

São ótimos para peças que são constantemente expostas a materiais químicos. São bastante utilizados na indústria automobilística, em especial na construção de peças que entram em contato direto com óleos e outras substâncias possivelmente abrasivas.

Os materiais 3D oferecem resistências diferentes e sua escolha irá depender da finalidade e da substância a qual ele será exposto.

Retardantes de fogo

Os materiais 3D retardantes de fogo apresentam uma estabilidade térmica que impede que eles queimem e produzam fogo facilmente. Bastante recomendado para partes que possam eventualmente produzir combustão.

A importância do uso desses materiais se dá justamente por evitar riscos de incêndio em ambientes propícios à ignição. Seu uso é bastante requerido na produção de eletrônicos, assegurando que os produtos cumpram os requisitos de segurança. Um exemplo são os revestimentos plásticos de fios e cabos.

Conclusão

Como você pôde perceber com o panorama dos principais materiais 3D apresentados neste post, existem muitas opções e cada uma delas atende a um tipo de produção específico. A escolha do material correto é a chave para um produto com bom acabamento e capaz de cumprir as funções desejadas.

Não sabe qual escolher? Não se preocupe, a MUV 3D Print pode ajudá-lo com isso. Entre em contato com um de nossos especialistas e descubra agora mesmo qual o melhor material 3D para seu projeto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *