Design thinking: Aprenda como usar essa ferramenta no desenvolvimento de produtos

O Design Thinking é uma importante ferramenta para a integração de habilidades inovadoras voltada para empresas e, até mesmo, para salas de aula. Esse método de criação ensina estratégias criativas para resolução de problemas e possui a capacidade de revelar novas soluções para problemas futuros.

É importante frisar que o Design Thinking não é uma metodologia, mas sim uma abordagem. O processo consiste em mesclar a experiência cultural e os processos de vida para obter uma visão completa na resolução de problema. Ou seja, é uma abordagem totalmente humana e que pode ser usada em qualquer segmento.

A satisfação completa do cliente é o principal foco dessa abordagem. Por isso o nome “thinking” logo após “design”, pois somente “pensando” e se colocando no lugar do próximo, é possível conhecer a profundidade de suas vontades, necessidades e percepções.

Está gostando desse assunto? Então não saia daqui e leia até o final para entender melhor o conceito de Design Thinking e descobrir várias dicas.

Dicas de como aplicar o Design Thinking

Para aplicar as ideias de desenvolvimento do produto, é necessário entender o escopo do projeto. Definir o problema solucionado é fundamental para saber em qual solução deve ser inspirado o caminho.

É importante que o profissional colete o máximo de informações possíveis dos usuários e suas queixas principais. Quem pratica o Design Thinking não deve limitar a busca por conhecimento e informações nos canais tradicionais. Falar com pessoas, entender as necessidades e mudanças é fundamental para surgir a inspiração.

Buscar sempre inspiração em pessoas que já passaram por tal situação e conseguiram resolver a mesma é uma ótima forma de criar uma solução. Mesmo que as situações possam ser diferentes, é possível estimular a criatividade com diversas referências e usar como base resoluções que foram acertadas em outros momentos.

É sempre válido, também, destacar as melhores ideias ao longo da etapa de pesquisa, pois essas ideias vão amadurecendo conforme o conhecimento sobre o projeto vai crescendo e podem ainda ser utilizadas ao longo do período criativo.

Mesmo que tenha tido ideias não tão boas, jamais as descarte. Essas informações e ideias podem não parecer boas no momento, mas futuramente podem surgir do nada e cair como uma luva em situações inesperadas.

Passo a passo do Design Thinking

  • Empatia: Se colocar no lugar do próximo é um grande esforço, principalmente na sociedade atual em que nos encontramos. Porém, é necessário. Aprender a identificar e tratar as peculiaridades do público como se fossem suas é importante para aplicar o Design Thinking. Sem exercer essa etapa é impossível chegar a uma solução satisfatória.
  • Definição: Clareza e foco são fundamentais. É necessário saber o que está tentando ser transmitido, para quem está sendo transmitido e qual a intenção disso. Uma definição de um problema pode ser resumida em uma palavra que irá atuar como orientador para encontrar a solução necessária.
  • Idealizar: A idealização é o que separa o Design Thinking de um pensamento normal. Ampliar o pensamento fazendo com que o mesmo chegue a soluções interessantes é um dos principais pontos. As ideias são a resposta para todos os problemas, pois pensar criativamente ajuda a desenvolver sempre o melhor trabalho para o consumidor.
  • Protótipos: O protótipo é uma demonstração do modelo de teste, é o momento no qual é possível saber o que o cliente pensa do projeto, como ele reagirá e quais as melhorias que podem ser feitas mediante as exigências. É uma ótima forma de obter feedbacks construtivos e necessários do público-alvo.
  • Testes: Por último, mas sempre muito importante, os testes basicamente entram no tópico da empatia, pois é onde os clientes expõem tudo o que têm a dizer, mesmo que desagrade o profissional. Após isso, é possível testar o produto já com as melhorias realizadas. É necessário tato, atenção e paciência para entender às melhorias.

A importância do Design Thinking

Novas metodologias de trabalho são sempre importantes para uma equipe de profissionais. O Design Thinking visa a melhor forma de agradar o consumidor e fazê-lo se sentir próximo de sua marca.

Além disso, gera resultados absurdamente melhores, pois possibilita uma visão do todo. É essencial ao desenvolvimento de produtos e serviços de grande inovação, permitindo que gestores possam corrigir problemas de forma pontual, correta e simples, colocando o foco no desenvolvimento positivo e agregado.

A importância do Design Thinking também se dá em garantir que a empresa consiga inovar e estar cada dia mais preparada para atender grandes demandas de inovação, sem depender somente de raras inspirações. Isso faz com que a equipe de trabalho esteja sempre em constante processo de formação de ideias e criação.

Por ser um processo constante, é possível avaliar como a equipe conseguiu identificar os problemas e apresentar soluções eficazes, dessa forma abrem-se portas para novos e interessantes desafios. Avaliar o aprendizado e construir experiência é de extrema importância dentro desse serviço.

Quando aplicar o Design Thinking?

Por ser um processo que também pode ser encaixado em qualquer ramo, as empresas conectadas com as novas técnicas desse conceito já aplicam o passo a passo no dia a dia e obtêm grandes resultados práticos e inovadores.

O Design Thinking pode ser usado sempre que for necessário gerar um número alto de ideias sobre um problema ainda em aberto, ou quando é necessário explorar ao máximo todas as possibilidades de solução sem ter em vista um processo certo. Movimentar o time de forma criativa e proporcionar a possibilidade de criar também são motivos para utilizar o Design Thinking.

Além disso, o Design Thinking é utilizado para quando é necessário gerar soluções alinhadas às estratégias da empresa, alternativas concretas para que a equipe seja capaz de pensar e trazer novidades, e para movimentar a equipe de forma totalmente colaborativa na intenção de propor um trabalho em conjunto para implementar soluções que talvez ainda não existam dentro da empresa.

E você, já aplica o Design Thinking no desenvolvimento de produtos de sua empresa? Se você gostou e se interessou no Design Thinking, assine nossa newsletter para receber atualizações!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *